Goiania IPTU - Secom Fev 2021
Mosaic Social

"Sempre priorizamos a vida", diz Caiado sobre pacientes do Amazonas que ser√£o transferidos para tratamento em Goi√°s

Durante posse do prefeito de Goi√Ęnia, Rog√©rio Cruz, governador fala sobre esp√≠rito de solidariedade dos goianos em momentos dif√≠ceis e destaca que Estado ser√° exemplo para o Brasil com maior disponibiliza√ß√£o de vagas em unidades de sa√ļde aos amazonenses. Ao defender imuniza√ß√£o contra Covid-19, disse que "n√£o podemos admitir que seja ideologizada a vacina√ß√£o. A ci√™ncia est√° acima de tudo"

Por Redação em 15/01/2021 às 20:53:55
Governador Ronaldo Caiado (Fotos: Cristiano Borges e Wesley Costa)

Governador Ronaldo Caiado (Fotos: Cristiano Borges e Wesley Costa)

Goi√°s deve receber a maior parcela de pacientes encaminhados pela Secretaria da Saúde do Amazonas (SES-AM), segundo informou nesta sexta-feira (15/01), o governador Ronaldo Caiado. Durante solenidade de posse do prefeito de Goi√Ęnia, Rogério Cruz, no plen√°rio da C√Ęmara Municipal, ele destacou que "sempre priorizamos a vida" e que jamais deixou dúvidas de que o Estado receberia "todo e qualquer cidad√£o com risco de vida para ser tratado".

Primeiro dever√£o chegar 20 pacientes, mas, segundo o governador, Goi√°s poder√° receber, ao todo, 120 amazonenses que necessitam de interna√ß√£o. "Goi√°s vai ser o Estado que vai dar o exemplo para o Brasil com o maior número de vagas compartilhadas aos nossos irm√£os amazonenses que passam pela atual crise na √°rea da saúde", pontuou.

A Secretaria de Estado de Saúde de Goi√°s (SES-GO) organiza junto ao Hospital das Clínicas (HC) da Universidade Federal de Goi√°s (UFG-GO) para que os pacientes sejam internados na unidade. O HC conta com novo prédio inaugurado recentemente, em dezembro, com espa√ßo vago e estrutura para abertura de novos leitos. Assim, é possível atender pacientes do Amazonas sem impactar a rede estadual de saúde goiana.

Caiado destacou ainda que hoje é possível ajudar outros Estados gra√ßas à estrutura disponibilizada pelo governo estadual desde o início da pandemia. "Se nós estamos compartilhando esses leitos é porque nós temos a responsabilidade de darmos aten√ß√£o às pessoas que est√£o morrendo asfixiadas neste momento", disse.

A estrutura do Estado para atendimento de pacientes com Covid-19 conta com 253 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 447 de enfermaria. S√£o sete Hospitais de Campanha (Porangatu, Goi√Ęnia, Jataí, Luzi√Ęnia, Formosa, Itumbiara e S√£o Luís de Montes Belos), além de unidades próprias que oferecem atendimento para pacientes vítimas de Covid-19, como o Hospital de Doen√ßas Tropicais (HDT), Hospital de Urg√™ncia Governador Ot√°vio Lage (Hugol), Hospital Estadual De Jaragu√° Sandino de Amorim (Heja) e Hospital Estadual de Urg√™ncias de An√°polis Dr. Henrique Santillo (Huana). "Hoje, nós temos uma equipe com experi√™ncia, que aprendeu a lidar com o problema, temos estrutura", disse.

De acordo com informa√ß√Ķes da SES-AM, ser√° realizada uma triagem dos pacientes que seriam elegíveis para vir. Essa avalia√ß√£o ser√° validada por técnicos e consultores da Organiza√ß√£o Pan-americana de Saúde (Opas) e do Hospital Sírio-Liban√™s para que seja homologada pelo Ministério da Saúde. A partir disso ser√° programado o embarque, voo e desembarque.

O governador lembrou, também, que, em fevereiro de 2020, o Estado acolheu brasileiros vindos de Wuhan, na China, por conta da pandemia da Covid-19. "Ninguém os aceitava", sinalizou. "O goiano é um povo presente nos momentos mais delicados da vida de todos os cidad√£os. Nós temos esse estilo de ser extremamente adeptos a ajudar as pessoas, de cuidar das pessoas", disse. A saída da China ocorreu no dia 05 de fevereiro, durante a chamada Opera√ß√£o Regresso, que envolveu dois avi√Ķes da For√ßa Aérea Brasileira (FAB) e 24 profissionais. Foram repatriados 34 brasileiros e seus familiares, que estavam no epicentro do surto do coronavírus.

Vacinação

O governador ressaltou que est√° em contato di√°rio com profissionais da Funda√ß√£o Oswaldo Cruz (Fiocruz), Instituto Butantan e Ministério da Saúde para que a vacina seja disponibilizada o quanto antes para a popula√ß√£o. Goi√°s vai receber 7% do total de vacinas anunciadas nacionalmente. Isso corresponde a 3,2 milh√Ķes de doses da CoronaVac, produzida pelo laboratório Sinovac, do total de 46 milh√Ķes previstas para todo o país, mantendo-se a proporcionalidade em rela√ß√£o aos outros Estados. Caiado frisou que "n√£o podemos admitir que seja ideologizada uma vacina√ß√£o". Segundo ele, "a ci√™ncia est√° acima de tudo. Essa ci√™ncia que salvou milh√Ķes e milh√Ķes de pessoas", pontuou.

Os preparativos de Goi√°s para receber as doses est√£o previstos no Plano de Operacionaliza√ß√£o para a Vacina√ß√£o contra Covid-19, que prev√™ como ser√° a distribui√ß√£o e armazenamento do imunizante no território goiano, a capacita√ß√£o dos trabalhadores da saúde, entre outras a√ß√Ķes. "Num primeiro momento voc√™ ter√° o atendimento aos grupos de riscos, pessoas com mais de 80 anos e √°rea de saúde", explicou. "Nós estamos trabalhando para incluir também os professores na segunda fase, j√° que seria fundamental para nós o retorno às aulas", acrescentou.

Fonte: Com informa√ß√Ķes da Secretaria de Estado de Comunica√ß√£o de Goi√°s

Comunicar erro
Saneago
CMOC Queimadas
Sefac 10 anos Super

Coment√°rios