Refiz Economia 2021
Mosaic Social

Goiânia: "Vamos cumprir o Plano de Governo e o líder desse processo sou eu", diz Rogério Cruz em resposta ao rompimento do MDB

Prefeito de Goiânia rebateu acusações, insinuações e reclamações de lideranças do MDB referentes a decisões políticas e administrativas, trocas de secretários e paralisação de obras. Ele afirmou que a gestão não mudou de rumo e que cumprirá o plano de governo definido durante a campanha eleitoral

Por Redação em 05/04/2021 às 22:49:00
Rogério Cruz (Republicanos), prefeito de Goiânia (Sdnews)

Rogério Cruz (Republicanos), prefeito de Goiânia (Sdnews)

O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), rebateu, no início da tarde desta segunda-feira (5/4), críticas feitas por secretários ligados ao MDB e pelo presidente estadual do partido, Daniel Vilela, que anunciaram, mais cedo, rompimento oficial do partido com a atual gestão da capital e demissão coletiva de 14 integrantes do primeiro escalão.

"O MDB não está saindo da gestão, quem está saindo é Daniel e seu grupo. Respeito essa decisão", disse Cruz, durante pronunciamento, na presença de vereadores e suplentes do MDB e do presidente estadual do partido Republicanos, deputado federal João Campos.

Durante sua fala, Rogério Cruz ressaltou que respeita o legado de Maguito Vilela e Iris Rezende e que tem um compromisso com a população de Goiânia.

"Nós vamos cumprir o plano de Governo independente de quem são as pessoas que vão nos auxiliar. Quero ressaltar que o Plano de Governo não é apenas do MDB, é de toda a coligação que fez parte da aliança vitoriosa e do povo goianiense", frisou.

Rogério Cruz rebateu acusações, insinuações e reclamações de lideranças do MDB referentes a decisões políticas e administrativas, trocas de secretários e paralisação de obras.

"Determinei ao secretário de Governo que ditasse um decreto de governança para dar mais transferência ao uso do dinheiro público. Ao contrário do que disse Daniel, não é o secretário de Governo quem decide as prioridades e a gestão, sou eu. Talvez seja isso que incomodou algumas pessoas. O que foi publicado está alinhado com o Plano de Governo, nas páginas 84 e 87, ou seja, com a gestão eficiente e transparente que Maguito e eu pactuamos na campanha. Não permitirei ilhas no meu governo, o governo é único. Onde ficarem dúvidas e suspeitas, nós vamos investigar. No meu governo não aceito corrupção", falou.

Cruz disse ainda que paralisou o contrato referente a pavimentação asfáltica no município porque não pode "ignorar a suspeita levantada por quase metade da Câmara de vereadores sobre um contrato de asfalto".

"Vamos cumprir o Plano de Governo e o líder desse processo sou eu", diz Rogério Cruz

Ainda durante o pronunciamento, Rogério Cruz adiantou que está estudando uma reforma administrativa para adequar a prefeitura à nova realidade pós-pandemia. "Será apresentada à Câmara de Vereadores para, junto com esses, traçar as metas para chegar ao fim deste governo com todo o Plano de Governo executado", pontuou.

E negou que esteja ocorrendo mudança de rumo na sua gestão. "Vamos cumprir o Plano de Governo e o líder desse processo sou eu, o prefeito da cidade. Estou sempre aberto ao diálogo e a todos os líderes que me procurarem. São legitimas todas as mudanças que fiz, afinal eu sou o responsável. Ou será que eu na função de prefeito de Goiânia terei que deixar outras pessoas ditarem as regras? Respeito demais o Daniel, mas ele precisa entender que ele não foi eleito, foi o pai dele. E o Plano de Governo vencedor vai ser cumprido em respeito a Maguito Vilela e à população goianiense", finalizou.

Após o pronunciamento, não foi permitido à imprensa fazer perguntas.

Fonte: Com informações do Portal Noticias de Goiás

Comunicar erro
Saneago
CMOC Queimadas
Sefac 10 anos Super

Comentários