Relatório registra 62 mil visitas ao site da Alego em maio de 2021

Interação total e cada vez maior! Com os obstáculos decorrentes da pandemia de covid-19, o site da Casa tem se firmado como instrumento preferencial do público que quer saber sobre a Alego. Conforme relatório divulgado pela Diretoria de TI sobre os acessos ao portal em maio desse ano, foram registradas 62.323 visitas. A maior quantidade de acessos foi à seção de Transparência: 27,5 mil. Os números evidenciam o intuito da Assembleia de cumprir, com êxito, esse que é um dos principais pilares da Administração Pública.

Por Redação em 11/06/2021 às 21:16:34
Foto: Sergio Rocha

Foto: Sergio Rocha

O site da Assembleia Legislativa de Goiás é um dos meios que ela utiliza para se comunicar com a sociedade. Ao disponibilizar informações sobre todas as etapas da tramitação dos processos legislativos e sobre a atuação dos deputados, o Parlamento goiano cumpre com o princípio da Transparência, um dos pilares que a Constituição Federal estabelece para toda a Administração Pública. Com os entraves decorrentes da pandemia de covid-19, o portal da Alego tem se firmado como instrumento preferencial do público que quer saber sobre o trabalho dos parlamentares estaduais.


A Mesa Diretora da Alego, presidida pelo deputado Lissauer Vieira (PSB), se dedica, cada vez mais, a fazer com que o portal seja um canal disseminador de informações valiosas para o público, no que diz respeito à apresentação e à tramitação de projetos de lei, atividades parlamentares diversas, entre outras ações, no âmbito do Parlamento goiano.


Relatório divulgado pela Diretoria de Tecnologia da Informação sobre os acessos ao site da Casa, durante o mês de maio de 2021, aponta o recebimento de 62.323 visitas, 24.278 a mais que no mesmo mês em 2020. A relação também mostra que o portal teve um total de 156.396 páginas visualizadas.

A maior quantidade de acessos foi aos 14 serviços disponíveis na seção de Transparência. No total, foram somadas 27.550 visitas, sendo 22.749 na seção onde estão disponíveis, na íntegra, os processos legislativos que são apreciados e votados pelos parlamentares. Já os Diários da Assembleia, por exemplo, receberam 3.133 cliques e as licitações obtiveram 1.169 acessos. Dentre as visitas, 299 foram registradas na seção que torna públicas as despesas da Casa com pessoal. Nesse espaço, em conformidade com a Lei de Acesso à Informação (LAI), o visitante encontra um quadro detalhado dos pagamentos realizados a servidores, estagiários e parlamentares.

Os usuários interessados em acompanhar o trabalho dos deputados durante a pandemia de covid-19 e fiscalizar a situação administrativa do Legislativo estadual também encontram no Portal da Transparência informações sobre os seguintes serviços: Diárias, Verbas Indenizatórias, Orçamento, Requerimentos, Contratos e convênios, Sessões Legislativas, Gestão Fiscal, Programas e Ações, Execução Orçamentária e Despesas com Veículos.


Perfil institucional e matérias mais acessadas

Em maio de 2021, o projeto de n° 4983/21, de autoria da Governadoria do Estado, foi o assunto de três das cinco matérias mais acessadas no site da Alego. A propositura em questão pedia o aval da Casa para modificar a legislação sobre o Estatuto e o Plano de Cargos e Vencimentos do Pessoal do Magistério, com o objetivo de conter o aumento do passivo judicial referente ao pagamento de horas extras aos professores vinculados à Secretaria de Estado da Educação (Seduc), efetivos e temporários.

No mês em que a referida proposição protagonizou os debates e as votações do Plenário, o líder do Governo na Casa, deputado Bruno Peixoto (MDB), e o presidente Lissauer Vieira lideraram o ranking de visitas aos seus respectivos perfis institucionais no site da Assembleia. Os parlamentares ocuparam a primeira e a segunda posição, respectivamente. O perfil de Bruno recebeu 569 acessos e o de Lissauer contabilizou 460 acessos.

Ocupam a terceira, quarta e quinta posição nesse ranking, os seguintes deputados: Amauri Ribeiro (Patriota), em terceiro lugar, com 427 acessos; Lêda Borges (PSDB), em quarto lugar, com 360 acessos; e Jeferson Rodrigues (Republicanos), em quinto lugar, com 359 acessos.

No total, foram registradas 17.830 visitas ao perfil institucional dos parlamentares. Nessas páginas, além de informações biográficas de cada parlamentar, o leitor também encontra telefones e e-mails para contatos e links para as notícias produzidas pela assessoria de cada gabinete.


Notícias mais acessadas

O balanço divulgado pela Diretoria de TI também listou as cinco notícias mais acessadas do mês. Foram registrados 8.593 cliques nas seguintes matérias institucionais:

1 - Orientações sobre como proceder em caso de contato com pessoa contaminada com covid-19 é tema de campanha (3.061 cliques);

2 - Projeto do Governo altera lei sobre Estatuto e o Plano de Cargos e Vencimentos do Pessoal do Magistério – (1.743 cliques);

3 - CCJ dá aval à matéria que versa sobre o porte de arma de fogo a atiradores desportivos - (1.304 cliques);

4 - Aprovado projeto do Governo que altera lei sobre Estatuto e o Plano de Cargos e Vencimentos do Pessoal do Magistério (1.276 cliques);

5 - Alego aprova alteração no Estatuto do Magistério e venda de áreas (1.209 cliques).


Outros dados

Localização: 98,81% das visitas são provenientes do Brasil, sendo os destaques para Goiânia (26,94%) e Brasília (8,96%).

Navegação: Dois minutos e 50 segundos foi o tempo médio de duração que cada visitante permaneceu conectado em maio de 2021. Ao todo, 57,79% dos acessos foram feitos por visitantes novos.

Plataforma: O Android foi o sistema utilizado por 71,54% dos acessos móveis, ou seja, feitos pelo celular. Os demais acessos móveis (28,46%) foram pelo sistema IOS. O navegador mais usado nos acessos foi o Google Chrome (68,40%), seguido pelo Safari (16,33%) e pelo Samsung Internet (5,31%).

Compartilhamento: O conteúdo do Portal foi compartilhado pelos internautas e as principais redes utilizadas foram o Facebook (67,42%) e o Instagram (18,28%). A Casa, inclusive, possui perfil oficial em ambas as redes, além de Youtube e Twitter.


Fonte: Com Informação da Agência Assembleia de Notícias

Comunicar erro
Saneago
CMOC Queimadas
Sefac 10 anos Super

Comentários

Goiania Meio Ambiente AMMA