CMOC BRASIL

Projeto Chuveiro Eficiente é lançado pela Enel Distribuição Goiás

Os novos equipamentos consomem 33% menos energia que um chuveiro convencional. Serão mais de 5,5 mil clientes beneficiados em Goiás até o final deste ano

Por Redação em 13/08/2020 às 19:44:36
O primeiro bairro a ser beneficiado será o Residencial JK, em Goiânia, onde 500 clientes terão seus chuveiros trocados por outros mais econômicos (Alex Malheiros / Comunicação Enel Goiás)

O primeiro bairro a ser beneficiado será o Residencial JK, em Goiânia, onde 500 clientes terão seus chuveiros trocados por outros mais econômicos (Alex Malheiros / Comunicação Enel Goiás)

A Enel Distribuição Goiás lançou na ultima quarta-feira (12/8), o projeto Enel Compartilha Eficiência - Chuveiro Eficiente, no Residencial JK, na região Noroeste de Goiânia. Essa é mais uma ação que tem como objetivo estimular a economia de energia.? Nesta primeira etapa, a companhia vai beneficiar 500 famílias do bairro com a instalação dos chuveiros eficientes, que consomem 33% menos energia que um equipamento convencional. Até o final deste ano, o projeto beneficiará mais de 5.500 clientes de mais de 20 cidades do Estado.

O projeto Chuveiro Eficiente é uma forma de aquecimento de água para banho sustentável, ou seja, preserva o meio ambiente e promove menor consumo de energia elétrica. Ele garante o reaproveitamento do calor pelo contato indireto entre a água do banho (quente) e a água da caixa (fria). Um eficiente trocador de calor faz com que a água fria da caixa chegue ao chuveiro pré-aquecida, proporcionando economia, conforto e bem-estar. Para a instalação desse chuveiro eficiente, não é necessário qualquer tipo de obra ou quebra de estrutura ou paredes. Além disso, não há risco de choque elétrico e também não reaproveita a água utilizada no banho. O equipamento funciona com um tapete antiderrapante e acompanha, ainda, uma ducha com várias temperaturas.

As trocas desses equipamentos, são realizadas por equipes formadas por uma dupla de profissionais, sendo um homem e uma mulher, devidamente uniformizados e capacitados para esse trabalho. Esse método tem repercutido positivamente entre os beneficiados, que se sentem mais à vontade, em alguns casos, quando mulheres estão em casa sozinhas e preferem ser atendidas por uma profissional. Além da troca dos chuveiros, também será realizada a troca de até cinco lâmpadas incandescentes ou fluorescentes, que têm alto consumo de energia, por outras de LED, que são mais econômicas. Ao final da instalação dos equipamentos, os profissionais recolhem o chuveiro antigo e as lâmpadas para que sejam descartados da forma correta. O descarte será realizado com empresas que possuem as licenças e procedimentos conforme legislação e protocolos ambientais vigentes

A implantação do chuveiro eficiente será realizada em bairros de alta vulnerabilidade social e que tenham os pré-requisitos necessários para a instalação dos equipamentos com as condições técnicas e de espaço necessários. Os clientes beneficiados precisam ser residenciais e estar com o cadastro atualizado na Enel.

Na ultima quarta-feira (12), a Enel também levou o projeto de atendimento móvel para cadastrar os clientes do Residencial JK, aptos a participar do Programa Tarifa Social de Energia Elétrica, um benefício do Governo Federal que pode conceder um desconto de até 65% na conta de energia elétrica dos clientes, e realizar outros atendimentos. Além disso, a empresa já está trabalhando na construção da rede elétrica do bairro com a instalação de postes, transformadores, cabos de energia, vários quilômetros de rede, tudo isso para energizar cerca de 500 casas. A conclusão da obra está prevista para o próximo mês.

Até o final de 2020, a ação beneficiará bairros em situação de vulnerabilidade social dos municípios de Goiânia, Rio Verde, Goianésia, Aparecida de Goiânia, Morrinhos, Anápolis, Trindade, Caldas Novas, Piracanjuba, Brazabrantes, Bela Vista de Goiás, Goianira, Formosa, Luziânia, Águas Lindas de Goiás, Alvorada do Norte, Cromínia, Guarinos, Indiara, Novo Gama, Guapó e Santa Bárbara de Goiás. Essa iniciativa está alinhada aos compromissos assumidos pela Enel com a Agenda 2030 das Nações Unidas e com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), especialmente ao ODS 7 – Energia Limpa e Acessível.

Fonte: Com informações do Departamento de Relações com a Mídia - Diretoria de Comunicação -Enel Distribuiç

CMOC BRASIL
Saneago
CMOC Queimadas

Comentários

camara de ouvidor gif 3
Goiania Saude Covid 19