CMOC BRASIL
Ouvidor Fica em Casa

Nova Aurora: Quanto vale a lealdade dos Alcinos ?!

Por quantas moedas de troca será descartada a história política e pessoal ao grupo tucano?

Por Redação em 09/09/2020 às 12:26:03
Alexandre Alcino e Gustavo podem se separar (Reprodução)

Alexandre Alcino e Gustavo podem se separar (Reprodução)

Há mais de dois mil anos, segundo a tradição católica e ortodoxa, Judas Iscariotes, um dos doze apóstolos de Jesus Cristo, ao invés de proteger o mestre, por trinta moedas de prata entregou-o aos que tentavam capturá-lo e, assim, contribuiu diretamente para sua morte (Lucas 6: 13-16).

A política em Nova Aurora está nos fazendo rememorar a passagem bíblica de Judas, no que aparentemente será a maior traição da história política do município.

Isso mesmo, Caro Leitor, para quem está acostumado a ver os Alcinos declarando juras de amor a Marconi Perillo, Gustavo Sebba e Jardel Sebba, pode se surpreender ao ver o pré-candidato a prefeito de Nova Aurora, Alexandre Alcino, passar de mão dadas com o prefeito de Catalão, Adib Elias.

Bastou o grupo político do PSDB perder o Poder no Estado de Goiás que, na balança dos Alcinos, perderam completamente o seu peso, esvaindo-se a amizade, lealdade e todas outras qualidades por vezes ressaltadas.

Já não há mais cargos no Estado de Goiás ou contratos Superintendência Municipal de Água e Esgoto de Catalão (SAE) para serem ofertados aos Alcinos de Nova Aurora, restando apenas os processos por colaboradores fantasmas.

O que vale agora, aliás, vale tudo, é buscar alianças para tentar assumir o Poder em Nova Aurora a qualquer custo e voltar a garantir os cargos políticos.

A amizade muitas vezes vista nas mesas de bares em Nova Aurora e nas rede sociais, parecem ter desaparecido, até mesmo das publicações do Facebook foram apagadas.

Como Judas, o pré-candidato Alexandre Alcino pode passar a ter seu nome lembrado em Nova Aurora pela eternidade, mas com a pior das reputações.

CMOC BRASIL
Saneago
CMOC Queimadas

Comentários

camara de ouvidor gif 3